rtb2.png

Aprenda tudo que você precisa saber sobre a bolsa esportiva para começar hoje mesmo direto do seu celular ou computador.

Método rtb

  • carlospulgartb

Mini Guia da Bundesliga



A Bundesliga está retornando e preparei esse mini guia com as informações mais relevantes em relação às equipes:


Bayern de Munique


Técnico: Hans-Dieter Flick

Competição europeia: Liga dos Campeões

Destaques: Neuer, Alphonso Davies, Thiago Alcântara, Kimmich e Gnabry

Craque do time: Lewandowski

Quem chegou: Leroy Sané(ponta), Tanguy Nianzou(zagueiro), Alexander Nubel(goleiro) e Joshua Zirkzee(centroavante, promovido ao time principal)

Quem saiu: Lars Lukas Mai(zagueiro) e Christian Früchtl(goleiro)


Objetivo na temporada: Vencer a competição


O Bayern é a maior força do futebol alemão, onde já foi campeão da Bundesliga 30 vezes e vem de uma sequência de 8 títulos seguidos na competição.


Na última temporada a equipe teve um início com oscilações ainda quando estava sendo comandada por Niko Kovac, com dificuldades na criação das jogadas ofensivas e instabilidades na defesa. Após Hans Flick assumir, o Bayern teve uma grande evolução, chegando a recuperar Thomas Muller que não era muito utilizado pelos antigo treinador.


Além de se recuperar e garantir mais um título da Bundesliga, o Bayern ainda venceu a Liga hdos Campeões para engrandecer ainda mais essa temporada. Até agora entre as contratações se destaca a chegada de Leroy Sané, um dos melhores em sua posição. Por outro lado a equipe pode perder Thiago Alcântara, um dos melhores jogadores da equipe e peça fundamental na Champions League.


Borussia Dortmund


Técnico: Lucien Favre

Competição europeia: Liga dos Campeões

Destaques: Haaland, Marco Reus, Mats Hummels e Brandt

Craque do time: Jadon Sancho

Quem chegou: Jude Bellingham, Thomas Meunier e Reinier

Quem saiu: Mario Gotze, Dzenis Burnic e Leonardo Balerdi


Objetivo na temporada: Vencer a competição


O Borussia Dortmund continua apostando em jovens jogadores. Contratou o promissor meia britânico Jude Bellingham e ainda trouxe o brasileiro Reinier por empréstimo.


Na última temporada a equipe terminou na vice colocação e teve uma boa queda de rendimento na reta final da liga.


No setor ofensivo a equipe possui boa qualidade técnica aliada a velocidade, destaque para Jadon Sancho que vem evoluindo bastante nas últimas temporadas.

Já na defesa ainda vejo uma equipe bem instável, principalmente pela exposição na qual costuma ficar durante os jogos devido a sua pressão ofensiva.


RB Leipzig


Técnico: Julian Nagelsmann

Competição europeia: Liga dos Campeões

Destaques: Upamecano, Dani Olmo e Nkunku

Craque do time: Sabitzer

Quem chegou: Hwang, Benjamin Henrichs e Josep Martinez

Quem saiu: Timo Werner, Hannes Wolf e Angelino


Objetivo na temporada: Vencer a competição


O Leipzig vem evoluindo a cada temporada e conseguiu um grande feito ao disputar a fase de semi final da última Liga das Campeões.


Infelizmente não contam mais com o Timo Werner, negociado com o Chelsea. Este jogador vinha sendo um dos principais destaques da equipe e era muito importante para o setor ofensivo. Para tentar repor o espaço deixado pela saída de Werner, o Leipzig contratou Hee-chan Hwang, atacante que se destacou muito bem pelo Salzburg, aliando técnica e velocidade.


A equipe do técnico Julian Nagelsmann se destaca bem no setor ofensivo, principalmente nas jogadas de contra ataque onde possui boa organização. A defesa por sua vez possui boa qualidade, mas costuma deixar muitas brechas nas laterais, tendo dificuldades contra equipes com boa velocidade.


Hoffenheim


Técnico: Sebastian Hoene

Competição europeia: Liga Europa

Destaques: Oliver Baumann, Minas Dabbur, Robert Skov e Rudy

Craque do time: Andrej Kramaric

Quem chegou: Gacinovic

Quem saiu: Steven Zuber, Lucas Ribeiro e Gregor Kobel


Objetivo na temporada: Classificação para liga europeia


O Hoffenheim passou por irregularidades no início da temporada passada. Chegando a passar por uma sequência de 7 jogos sem vencer.


No segundo turno a equipe teve uma boa evolução, principalmente na defesa que vinha sendo um dos pontos mais fracos.


Até o momento não apresentou nenhum nome de peso e vem trabalhando para manter os destaques da última temporada. No conjunto possui até uma boa equipe, mas é bem limitada em questão as peças de reposição, algo que pode pesar bastante durante a temporada já que a equipe ainda tem uma Liga Europa para disputar.


Bayer Leverkusen


Técnico: Peter Bosz

Competição europeia: Liga Europa

Destaques: Aranguiz, Lars Bender, Bailey e Diaby

Craque do time: Lucas Alario

Quem chegou: Lennart Grill

Quem saiu: Kai Havertz e Kevin Volland


Objetivo na temporada: Classificação para liga europeia


O Leverkusen encerrou a última temporada na 5ª colocação após disputar rodada a rodada uma vaga para a Liga dos Campeões. Com uma boa força ofensiva, o Leverkusen costuma explorar bem os lançamentos em velocidade para surpreender os adversários e possui jogadores com boa qualidade individual. Defensivamente a equipe costuma ficar exposta, o que gerou dificuldades na última temporada.


Recentemente perdeu um dos seus melhores jogadores e peça fundamental dentro do seu esquema, o Kai Havertz que foi negociado com o Chelsea. Além dele, o atacante Volland se transferiu para o Mônaco.


Monchengladbach


Técnico: Marco Rose

Competição europeia: Liga dos Campeões

Destaques: Pléa, Denis Zakaria, Embolo, Bensebaini e Sommer

Craque do time: Marcus Thuram

Quem chegou: Valentino Lazaro, Hannes Wolf e Joe Scally

Quem saiu: Tobias Strobl, Fabian Johnson e Raffael


Objetivo na temporada: Classificação para liga europeia


O Monchengladbach na última temporada chegou a sonhar com título, mas a falta de opções de qualidade e a limitação técnica da equipe influenciaram bastante na sua queda de rendimento.


A equipe conta com 3 jogadores de ótima velocidade e técnica no ataque: Thuram, Pléa e Embolo, sendo as principais armas para o técnico Marco Rose.


Na defesa a equipe possui boa regularidade, principalmente nas jogadas aéreas e saída para o contra ataque.